jump to navigation

Buenos Aires rápido e rasteiro – 2 10/junho/2010

Posted by rapidoerasteiro in Diversos.
Tags: , , ,
trackback

(continuando…)

Câmbio – pesquisando em várias fontes, concluí duas dicas principais: não vale a pena comprar Pesos Argentinos no Brasil e nem no aeroporto de Buenos Aires (Ezeiza); e deve-se comprar o mínimo possível de pesos, apenas para táxi e despesas menores. Mesmo com a taxa de câmbio média de 2 Pesos para cada 1 Real, sempre é bom ficar de olho. Por exemplo, no aeroporto estavam pagando somente 1,67 Pesos para cada 1 Real.

As dicas foram valiosas, e adiciono também o seguinte: VTM – Visa Traveler Money. É um cartão de débito pré-pago em dólares, muito mais seguro do que levar dinheiro em espécie no bolso. Mas, se você prefere andar com dinheiro vivo, muitas lojas aceitam Reais com taxa de câmbio “2-para-1” (mas nem todas), e todo mundo aceita Dólar no câmbio médio de “4-para-1”.

Compras – esta, sem dúvida, foi a maior decepção. Apesar do câmbio favorável para nós, os preços não estão valendo muito a pena, especialmente nos pontos principais de comércio na cidade. Locais como a calle (rua) Florida e shoppings que se intitulam “Outlet`s” oferecem produtos a preços mais ou menos similares aos que pagamos por aqui. Mesmo assim, há algumas pechinchas como acessórios para mulheres, roupas sociais masculinas (algumas coisas) e cosméticos.

Aliás, o mais estranho é o uso da expressão “Outlet”. Para nós (e acho que para o resto do mundo) um outlet é um local onde estão à venda mercadorias de “ponta de estoque”, referentes a coleções passadas. Porém, apesar de muitas lojas e shoppings de Buenos Aires ostentarem este nome, na realidade são lojas e shoppings comuns, sem oferecer qualquer vantagem especial. Ou, como disse um casal amigo, “deve ser o outlet da coleção do ano que vem”…

Na saída, pelo aeroporto, o Free Shop também oferece alguns produtos a preços muito bons. Porém, se o seu vôo for para Guarulhos, vale a pena esperar e comprar no Free Shop aqui no Brasil, que tinha mais opções a preços mais baratos.

Transporte – ponto positivo para Buenos Aires. Há metrô, muitos táxis, e ônibus. O conforto não é lá muito grande, mas o transporte é barato e abundante. Para quem quer ir a shoppings, há serviços gratuitos de traslado. As instruções estão em folhetos que ficam nas recepções dos Hotéis.

Os serviços de traslado locais também são eficientes e confiáveis. Prova disso é que esqueci a minha mochila dentro do carro que me deixou no aeroporto, e menos de uma hora depois já estava novamente com ela. Outro ponto de destaque foi a pontualidade.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: