jump to navigation

Planeta Atlântida 2010, ou “mais do mesmo”… 7/janeiro/2010

Posted by rapidoerasteiro in Artes.
Tags: , , ,
trackback

Um evento bastante aguardado nos verões dos litorais de Santa Catarina e Rio Grande do Sul é o Planeta Atlântida, promovido pela Rádio Atlântida, do Grupo RBS, que também detém a TV RBS, emissora afiliada da Rede Globo para os dois Estados.

Já tive a oportunidade de ir e tocar (bons tempos de músico…) nesse festival em ambos os Estados. Pelo que me lembro, toquei nas edições de 2000, 2003 e 2004 em Florianópolis/SC e também em 2004 na praia de Atlântida/RS, e também fui como expectador nas edições de 2005 e 2007 novamente em Floripa.

No início desta semana eu estava dirigindo e ouvindo o programa Pretinho Básico, da rádio Atlântida, quando o pessoal estava revisando para o público quais seriam as atrações da edição 2010 do Planeta. O primeiro pensamento que tive foi “putz, mais um ano sem grandes novidades”. Assim que encontrei os amigos, e mais tarde o pessoal em casa, perguntei o que eles acharam das atrações do Planeta Atlântida 2010, e as opiniões foram unânimes: “mais do mesmo”. E, assim, por mais um ano, não iremos ao Planeta.

Ontem eu esava novamente ouvindo o Pretinho Básico (aliás, muito engraçado), e o pessoal novamente fez o repasse das atrações do Planeta 2010. Olha, não sei se é cisma minha, mas percebi que nem os caras da própria emissora se empolgam em divulgar todos os anos quase sempre as mesmas atrações. Por mais que coloquem palcos “alternativos” ao palco central (aliás, algo que é bacana no RS, mas é inviável em Floripa, onde o local é menor e o som do palco principal “cobre” todos os demais locais do evento) , parece que a fórmula do Planeta está um pouco gasta.

Algo que algumas pessoas comentaram comigo e que eu concordei é que já está na hora do Planeta Atlântida trazer atrações internacionais de peso, pois tem tamanho (e portanto orçamento) para tal. Isso não quer dizer trazer artistas em fim de carreira como já foi feito com um decrépito Colin Ray (alguém se lembra do “Men at Work?” – ele era o vocalista), se eu não me engano em 2002. A banda era tão “fim de carreira” que o pessoal da sonorização me ligou na época perguntando se eu não poderia emprestar o meu microfone sem fio para saxofone para o show em Floripa (fala sério!!!).

O mais engraçado é que em Fevereiro teremos show da Beyoncé (essa sim, uma artista internacional que está no auge) em Floripa, no mesmo local onde será realizado o Planeta Atlântida agora em Janeiro.

Quem sabe, para 2011, a RBS poderia investir mais e melhor no Planeta Atlântida, programando desde já a contratação de pelo menos 2 atrações internacionais. Bandas, cantores e cantoras interessantes não faltam, com certeza.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: