jump to navigation

Nos EUA, Blogueiro que recebe “jabá” tem que abrir o jogo 6/outubro/2009

Posted by rapidoerasteiro in Internet.
Tags: , , , ,
trackback

Você sabe o que é Jabá? Bem, se este fosse um blog de culinária, eu diria que seria um dos nomes dados para a “carne seca” no Nordeste do Brasil. Mas, não é bem esse o caso.

A expressão “jabá” foi muito difundida pelo finado Tim Maia, que muito protestou sobre a prática das gravadoras e dar “benesses” (dinheiro, presentes, etc.) para que rádios, TVs, colunistas, etc. divulgassem seus artistas. Ou seja, jabá nada mais é do que uma propina, um suborno, para que alguém facilite ou promova determinado filme/artista/produto/etc., que pode ser em dinheiro ou não (presente também vale).

Pois é, no meio dos blogs, principalmente aqueles que fazem análises de produtos, tem sido cada vez mais comum a prática do jabá. O que não quer dizer que todo blogueiro seja desonesto, aliás é muito pelo contrário, pois a grande maioria dos blogs é muito mais isenta do que os veículos de comunicação empresariais. Mas, como sempre haverá frutas podres no pomar, há sim aqueles que recebem um “por fora” para dar opiniões favoráveis.

Para inibir esse tipo de prática a Comissão de Comércio dos EUA (Federal Trade Comission – FTC), órgão que na terra do Tio Sam é equivalente ao nosso CADE, votou por unanimidade uma regra exigindo que blogueiros revelem quando receberem patrocínios ou pagamentos de empresas por reviews de produtos. A fonte da notícia é o site AdNews, que cita também a AssociatedPress.

Realmente este é um sinal dos tempos, já que desde 1980 a FTC não mexia nas regras sobre aprovações e recomendações de produtos. Além disso, foi uma boa oportunidade para atualizar as suas regras, já que na época os blogs ainda não existiam.

A regra em questão entrará em vigor no dia 1º de dezembro deste ano e a multa por quem cometer infrações pode chegar a 11 mil dólares. Ou seja, logo na véspera do Natal, época “quente” para o comércio, espera-se coibir a prática do jabá.

A idéia em si é muito boa, porém sua aplicação parece ser complicada, pois depende de denúncia e investigação. Os mais espertos irão, provavelmente, esconder o jabá onde puderem, ou simplesmente passá-lo a frente para alguém. Aliás, bem que podíamos ter a lei “anti-jabá” aqui no Brasil, e não só para os Blogs, para para tudo. O problema é que aqui, além do trabalho e da demora para discutir, fazer e aprovar uma lei, ainda temos que esperar para ver se a dita cuja “pega”. Só aqui mesmo…

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: