jump to navigation

Framework Demoiselle finalmente decola 18/abril/2009

Posted by rapidoerasteiro in Gestão, Tecnologia.
Tags: , , , , ,
trackback

A partir de 2009, todos os softwares desenvolvidos para o governo federal terão que seguir a Demoiselle, plataforma que padroniza processos e códigos de sistemas.

A frase acima está escrita em uma matéria do Guia das Cidades Digitais, de Dezembro de 2008, e foi endossada pelo SERPRO (Serviço Federal de Processamento de Dados), que a publicou na íntegra no seu Portal (veja a matéria aqui).

O código fonte do Demoiselle, em Java, foi finalmente liberado para a comunidade na semana passada. O nome deste conjunto de ferramentas para o desenvolvimento de software (“framework“),é uma clara homenagem a Santos Dumont. Demoiselle era o nome de um modelo leve e pequeno de avião que o inventor construiu e pilotou em 1907, um ano depois do vôo com o 14 Bis. Diversas versões do avião foram testadas ao longo de cerca de dois anos e, ao final desse período, Santos Dumont liberou a documentação do seu trabalho para que fosse utilizada livremente. Assim, devido a essa perfeita sintonia das idéias do aviador com os conceitos atuais do software livre, Demoiselle foi o nome escolhido para batizar a plataforma de desenvolvimento de software do Governo Federal do Brasil.

Segundo o SERPRO, o Demoiselle tem as premissas de ser um framework extensível, fácil de usar, estável, configurável, confiável e com documentação aberta. As idéias por trás da adoção de uma plataforma única e padronizada para os softwares do Governo são gerar celeridade nos serviços de e-gov, dar maior independência tecnológica ao Estado, e reduzir custos na construção e manutenção de sistemas. Adicionalmente, o governo pretende colher benefícios indiretos por meio dos investimentos em informática pública e software livre.

Uma das coisas mais bacanas dos conceitos que estão sendo aplicados ao Demoiselle é que o Governo parece que vai mesmo deixar o framework ser um projeto de Software realmente Livre. Além de ser distribuído sob a licença GPL2, o framework deverá ser mantido pela própria comunidade, sendo totalmente aberto e compartilhado, permitindo que diferentes entidades e instituições contribuam e sejam beneficiadas pelo reuso de código possibilitado pela componentização e pelos padrões e direcionamento tecnológico definidos pelo framework.

Considerando a importância estratégica do framework Demoiselle, esta postura do Governo Brasileiro representa uma importante quebra de paradigma.Vale a pena registrar o fato e acompanharmos o andamento do projeto do framework.

O Demoiselle pode ser acessado no endereço http://sourceforge.net/projects/demoiselle/.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: